sexta-feira, 19 de setembro de 2008

E na verdade, o que eu quero é cair

Esse é um texto extremamente pessoal, então, se alguém quiser pulá-lo, be my guest.

Hoje eu não devia ter saído, mas são quatro horas da manhã e acabei de chegar em casa (ainda que tendo que acordar para trabalhar às 7).
Hoje eu não devia ter bebido (já falei que vou ter que trabalhar às SETE DA MANHÃ de um SÁBADO), mas estou um pouco bêbada.
(E com esse começo, eu me sinto em alguma reunião anônima, daquelas em que tu começas com um 'Agora, fazem 3 minutos e 52 segundos que eu não comento nenhuma sandice...')

Enfim, isso tudo serviu pra chegar à uma conclusão: sou um ornitorrinco.
Tá bom, antes que alguém ache que eu perdi o resto de sanidade que ainda me restava, eu vou explicar.

Sou um ser passional: nasci pra amar. Mas em completa contradição: nunca me apaixonei.
Não sei ficar sozinha, mas como paradoxo: não sei ficar com alguém só por uma noite e fingir, no outro dia, que nada aconteceu.
Sinto falta de ter alguém, mas me recuso completamente a estar com uma pessoa só por estar.
Ou seja, ou a Taynar é doida, ou alguém colocou alguma coisa realmente estranha naquela cerveja.

Ou vai ver, sou uma ave, um réptil e um mamífero, ainda por cima.
Posso me sentir mais deslocada, e ainda inserida, por tudo?
Coitado do ornitorrinco. Será que o IBAMA me deixa adotar um?

Só não vou aceitar que me chamem de embuste. Posso ser tudo, mas nunca vou negar o que sou. Ainda que eu não saiba o que, diabos, isso seja.

Das duas uma: ou me interno num asilo psiquiatríco AGORA, ou páro de beber.
Alguém tem alguma solução?


* Valeu Mirna, por tentar ainda me entender, mas que por falta de análise clínica suficiente, resolveu me mandar dormir.

Caso amanhã eu não delete isso... Como isso aconteceu? E o melhor de tudo: alguém sabe como párar?

21 comentários:

Jhennifer Cavassola disse...

Na verdade vc quer cair na cama, certo? rssss
Eu entendo como é isso, tenho uma amiga assim. Ela nunca amou alguém, mas ´nem por isso é uma pessoa de uma noite só. Mas vc ainda vai encontrar alguém que vai amar pra sempre.

Fica com Deus!! Um lindo fim de semana

Cogumela =) disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cogumela =) disse...

5:05 pm:

Passo pela mesma sandisse que tu: disse que não sairia,
disse que não me entregaria,
disse que dormiria.
disse que nem vinho nem cerveja me tiratiam do caminh aque eu acho certo, que julgo ser certo para mim... mas,
A HUMANIDADE É FALHA...
=/ saí, bebi, etc...

"lua "minguante"daqui se vê um "d". "D" de dow..."

eu gosto do que tu escreves... mas, ainda não me acostumei a errar.

beijos!

Homem do Cafezinho disse...

Minha querida e bela futura, quem sabe um dia, funcionária padrão....Heheheh

Não fiques assim. Tenhas certeza de que da mesma maneira que te sentes, metade da população o é...mas poucos tem a coragem como tu de dar a prórpia cara a bater!!! Agora termino teus versos, tu me deste a inspiração que me faltava.

Quanto à se sentir um ornitorrinco, quer dizer então que você é a responsável?!?!?! Duranta toda a minha vida sempre refutei a idéia de um coelho da Páscoa. Pensava assim, poxa, o único mamífero que põe ovos é o ornitorrinco, logo só pode ser ele o responsável pelos ovos de chocolate tão gentilmente deixados em minha soleira. E tenho provas....lhe mando a foto por e-mail para que você também possa conferir!!!!!

Beijos, abraços e meus votos de que seu final de semana termine bem melhor do que promete começar!!

Cirilo Veloso Moraes disse...

Fazer parar? De maneira nenhum. E perder esse seu jeito único de ser... Nan nan nin nan não.

Agora...o que não faz a manguaça hein. uhauhahauhauha.

Xêro e depois do trabalho vê se descansa, porra.

;)

Tyr Quentalë disse...

Libriana?
rsrsrsrs Dizem que os librianos são eternos indecisos e que nunca sabem que caminho escolher, que decisões tomar, ou que sentimentos devem permanecer.
Interessante como as madrugadas tem sido longas e exaustivas para aqueles que trabalham no dia seguinte, mesmo sendo uma manhã de sábado ou uma tarde de domingo. Queremos, mesmo que alegres ou melancólicos com a bebedeira, estender os momentos, conversar, botar para fora tudo que parece ficar guardado durante a semana ou uma vida inteira.
Rimos, choramos e aí rimos novamente e mesmo parecendo insanos para outros, seremos são para nós mesmos. Oras? Por que não?
rsrsrs.
Não se interne, apenas continue vivendo, deixe esses momentos acontecerem, pois muitas vezes são momentos válvula de escape, em que as sirenes finalmente descansam depois de gritar por tanto tempo em nossos ouvidos que estamos prestes a entrar em curto-circuito.
Abraços, beijos e uma ótima semana.

Conde Vlad Drakuléa disse...

Bom, eu conheço alguns asilos legais.. Agora parar de beber, he,he,he...
Beijos do conde e não te esqueças do Engov hein?

canseidexuxu disse...

Hehehe! Sabe o que tu és? Uma forte candidata a encontrar O homem que te faça ver que não se contentar com pouco vale a pena!!! :)

Olha, até que a bebida te deu uma clareza... É difícil se definir tão bem em opostos! (ainda acho incrível tu não sermos do mesmo signo, pq somos muito parecidas hahaha!)

Viva a ressaca!

Ah, não recebi não... :(

Beijos!
Xu

Conde Vlad Drakuléa disse...

Viva a ressaca!!!!!

Cogumela =) disse...

Agora já é de tarde e nem lembrava que tinha comentado no teu blog Taynar (o caso é grave o.O)

Minhas costas doem muito não sei pq
(muito grave)

Não sei o que puseram na minha cerveja, vinho, gim e absinto.
(gravíssimo)

Ai, ai...
Ornintorrincos são divertidos mas, é deveras confuso ter corpo de pato, tetas de mamífero e nadadeiras.

Acho que eu sou um ET... o que é pior. =/

beijos, guriazinha!

Lyn Monroe disse...

Vc nao perdeu a sanidade nem tinha nada de estranho na sua cerveja! rs Mas com algum alcool na cabeça as vezes a gente se ve um pouco melhor...rs
nao precisa se internar nem parar de beber,ok? uma hora tudo da certo, ate p ornitorrincos! (é bom q sim, ja q pelo jeito, vc me definiu bem! rs )
Beijo gde!

carolbiasucci disse...

eitaaaa viva a ressaca e a dor de cabeça depois!!!! relaxa, um dia aparece alguém especial pra voce.. nao é a gente que procura, sao eles que nos acham ;*

Aline T.H. disse...

Todo mundo tem seus dias de ornitorrinco, Taynar... Ou mesmo de celacanto, como costumo me chamar quando me sinto uma coisa totalmente delirante mas que até já se viu por aí!

E não pare, não. Pela preservação da espécie!

Beijos.

Terra disse...

Vc é de libra. O mesmo signo do incauto que me abandonou...rs.. fale-me sobre seu signo, já namorou alguém de virgem? É verdade que são mesmo muito indecisos?
Continue procurando sua cara metade que um dia vc encontra. Nem que ela(a cara metade) te encontre...
Bjs.

Lekkerding. disse...

É que a vida tem dessas, gosta de nos pregar peças. E ela acha tudo muito engraçado. Ria junto com ela. Talvez seja essa a solução.

Os ornitorrincos riem de si mesmos sempre. Eles acham graça na amálgama dos contraditórios que os formam. Experimente dar uma risadinha. Você vai ver que passa. =)

Flavinha disse...

Tenho umas crenças estranhas. E no contexto delas, você é perfeitamente normal, além de ser o ornitorrinco mais bonitinho que eu já vi ;)

Sentimento é algo que a gente não domina. Não escolhe sentir, nem escolhe não sentir. E na boa, melhor seu amor ficar aí guardadinho do que ir parar nas mãos de alguém que não tem a menor idéia do que fazer com ele. Amor é preciso demais pra ser desperdiçado. Deixa ele quietinho, prontinho pra acordar para quem o mereça.

No mais, não sei como fazer passar, mas música sempre ajuda - e tem meme musical lá na minha bodega pra você.

Beijos!

instantes e momentos disse...

ótimo teu blog, gosto daqui.
Tenha um belo domingo.
Maurizio

Zunnnn disse...

Sabia Mirna... rs ja foi pra cama?
rs

mas antes me diz...
"Sou um ser passional: nasci pra amar. Mas em completa contradição: nunca me apaixonei.
Não sei ficar sozinha, mas como paradoxo: não sei ficar com alguém só por uma noite e fingir, no outro dia, que nada aconteceu.
Sinto falta de ter alguém, mas me recuso completamente a estar com uma pessoa só por estar.
Ou seja, ou a Taynar é doida, ou alguém colocou alguma coisa realmente estranha naquela cerveja."

bom.. rs como eu nao te conheço eu vou chutar no...[x]alguém colocou algo estranho naquela cerveja...rs

ah ta.. rs eu nunca sou muito legal mesmo..rs

agora... desculpa, mas....
realmente vc estava BEBADA..rs
acontece...

rs

abraço

O Seu Livre Arbítrio disse...

Sem dúvida a pessoa certa aparecerá na sua vida. Eu acredito no amor e sei que todos tem a sua metade. Se é o que você quer, certamente virá (e no seu tempo).

Bjoss boa sorte!!!

FERNANDO RAMOS disse...

Taynar, depois do Ornitorrinco, é melhor você ir pra um asilo psiquiátrico. Mas não esqueça de esconder na mala o Johnny. Walker. :)

Chantinon disse...

Acho ótimo escrever bêbado ou caindo de sono. Sempre saem coisas assim. Pena que bebo pouco :)

Assino em baixo de tudo que a Flavinha falou.

E no fundo, hoje em dia eu acho os "normais" os verdadeiros anormais :)

A primeira visita a gente nunca esquece! Gostei dos seus textos.

Bjs