segunda-feira, 29 de setembro de 2008

Conto por contar, e deixo em algum canto

Um email vai: - Olá, querida. Tudo bom?
Um email chega: - Tô bem. Tô com a cabeça à mil. Minha menstruação acabou de dar às caras, sem nem avisar. Pedi pra uma amiga ir comprar um absorvente e junto, trazer uma caixa de chocolate, porque hoje eu estou sensível. Tô até assistindo o filme da sessão da tarde. Filme de uma fã que vai jantar com o seu ídolo, e ele acaba ficando interessado por ela. Que triste. Acabei de fazer minha avaliação física na academia, amanhã volto pra vida de cão, até quando, eu não sei. Boa notícia? A balança do supermercado é louca, tô com um kilo à menos que o peso que ela indicou. E tô ouvindo conselhos de qualquer pessoa, porque eu realmente não sei o que fazer. Porque eu fui ficar com ele? Como eu vou cobrar alguma coisa de alguém com quem eu não tenho nada? Será que ele é gay? Ahhh, e tu? Como tás?
Outro email vai: - Ern... Eu tô bem sim.

Se alguém acha que ser mulher é fácil, espera só ter surtos hormonais todos os meses. Força, Mirna ;)


*Em contrapartida...
Hoje eu não estou conseguindo pensar.
Acho que o meu cérebro - esse orgão de um quilo e meio, com mais de 10 bilhões de neurônios, que em pleno funcionamento de forma desregulada (jura?) podem atingir 400 km/h para competir por um pensamento, ideia ou imagem - não está muito normal.
Sinto que se alguém abrisse a minha cabeça e berrasse algo lá dentro (não que a idéia seja plausível, ou ainda agradável, ao meu ponto de vista, é claro, já que tem uns sádicos aí que iam achar a idéia genial...), o berro faria eco, e morreria tão só quanto entrou. Eu ia falar sobre marasmo também, mas cansei de alusões ao deserto do Saara.
Não, não estou de TPM. Nem todas minhas variações nervosas, emocionais, ou ainda irracionais, são causadas por hormônio (ainda que nesse período, eu fique mais insana do que o de costume). Às vezes, são apenas questionamentos, apontamentos, ou ainda crises psicóticas de pensamentos surtados. Ou da falta deles. Ou de sei lá o que.
Hoje, eu me sinto como aquela moça da propaganda eleitoral, repetindo à toda hora: não é pra lá, não é pra lá, n ã o é p r a l á.
Mas sendo toda hora levada para o tal lá. Seja pelos meus próprios pés, seja empurrada por uma confluência de coisas, que fogem do meu controle, apesar da pièce de resistance que eu sei estar instalada (de que vale a vida sem um arsenal pesado, certo?) dentro de mim.
Agora a pergunta certa é: onde é o lá? E porque, diabos, eu não tô querendo ir?
Acho que hoje eu tô Garfield.
Passa, segunda-feira, passa...

26 comentários:

Flavinha disse...

HOJE vc ESTÁ Garfield.

Como é que faz alguém que realmente É o tal gatinho amarelo preguiçoso e devorador de lasanha, mas tem que passar 24 horas por dia fazendo de conta que é um bípede hiperativo??

Isso de viver no corpo alheio é difícil! :P

Beijos!

Sargento Peixoto - Sem adjetivos disse...

Querida futura esposa, como postado no meu blog em diversas oportunidades, segunda feira é um dia escroto, sabe-se que o trabalho está começando junto da semana e mesmo com todo bom humor existem mais 4 dias antes do sono dos justos ou da merecida noitada de sexta...

Derrepente seu lá é aquele pote de ouro, lembra, o de sexta, derrepente seu lá tá meio longe e dá preguiça de ir, derrepente seu aqui pode estar mais interessante (ou mais acomodado). De qualquer forma só você mesma pra saber ou não.

Não desejarei boa segunda feira, mas congratularei que ela está acabando.

PS: Fiz lasanha.

Beijos,
Sem mais.

MELISSA S disse...

É, honey... Relaxa que passa (ou não) rs
ps: as suas quedas ganharam da minha, na boa...foram três, né? uma seguida da outra! Haja força pra levantar rs Bjs!

Sargento Peixoto - O Monge disse...

Dormirei por mim e por ti meu anjo, não se preocupe, fora que posso irritantemente ficar postando nos blogs.

Quanto ao ouro, cada um têm o seu, eu não planto nada, eu apenas faço a lavoura dos outros, o que eu tinha que plantar normalmente não deu em nada, hoje fico sentado na varanda comendo plantas com um bacamarte na mão, mas se quiser ajuda na sua, "tamo junto".

Quanto a lasanha, bolognesa com molho branco, presunto e alho com cebola, processados, refogados e imperceptíveis que deixam aquele sabor inconfundível, com a carne moída assada no shoyo.

Beijos, atualizei meu blog na segunda, pra variar nada bem humorado, mas só de ter falado contigo o dia já melhora um pouco.

Flavinha disse...

Eu tô bem, flor. Mas INDIGNADA. COMO ASSIM VC TEM UM FUTURO ESPOSO E NÃO ME PARTICIPAAAA ???? ;)

aiai, Taynar!

Beijos! :))

Sargento Peixoto - O Monge disse...

Eu não te bateria, não muito, segundas são ruins e a tragédia tende a ter sua veia cômica.

Eu sou feliz com meu peso, eu adoro ele, eu me sinto bem com ele. Mas eu surto as vezes sou leonino, minha juba me deixa vaidoso e eu gosto disso, minha vaidade me faz bem.

Vote nas putas uai, os filhos delas nunca fizeram nada mesmo.

Mais uma profissão braçal, eu faço o arado só buscar a cerveja querida.

Desculpa, bom saber que meus dotes culinários são bem quistos pela futura esposa.
E eu normalmente bebo pela cafeína, posso usar red-bull light também. Quanto ao radicalismo, não me serve, sou kamikaze demais, posso acabar amarrando uma bomba e explodindo algo, mas odeio muita coisa logo precisaria de mais que minhas nove vidas me garantem.

Flamenguista, tá ninguém é perfeito, eu sou vascaíno.

Boa noite, eu vou sair agora. Disponha, sempre que precisar de um sorriso, um arado, uma laje, trocar pneu e um abraço, tamo junto.

Flavinha disse...

huahuahua... Taynar, vc não existe!

Mas ó, o moço te oferece um sorriso, um arado, uma laje, trocar pneu e um abraço - e ainda faz lasanha! Um desses até eu queria :P

Mil e uma utilidades.

BeijAs!

Aline T.H. disse...

Ah, eu nunca quero ir pra lá mesmo sem fazer a menor idéia de onde "lá" seja! E eu sou seguidora e devota de Garfield, você já deve saber. Mas hoje fui obrigada a mudar esse pensamento, você vai saber depois que eu postar lá na Casa ;-)

Beijoca, linda.

PS: A parte que eu mais gosto da música é "we'll have Halloween on Christmas/ And in the night, we'll wish this never ends". Louca como eu =)

Sargento Peixoto - O Monge disse...

Chorar faz bem, emagrece, o foda é que também dá rugas.

Quanto aos três quilos, nada que uma caminhada todo dia pela manhã não resolva, eu sei, entendo bem de ganhar e perder peso.

Tenho bons relacionamentos com pessoas de escorpião até o momento, você não me parece ser uma excessão.

Quanto ao trabalho braçal, não se preocupe, sou homem, nasci predisposto para tal tipo de serviço, quanto a carregar, que jeito melhor de entrar em casa do quê carregando a cônjuge? O peso está bom como está.

Em relação aos dotes, não se preocupe, o que o exército não ensinou aprendi por conta, não precisa se sentir inútil, basta fazer compania, você têm dotes intelectuais, a boa compania aliada a isto já faz o trabalho ser duas vezes mais prático, deixe a cozinha, inclusive a pipoca por conta do sargento.

Ei tehtävä minum armas vastainen aviovaimo.
[Trad: Sem problemas minha querida futura esposa]
Deixe o futebol e o finlandês comigo.

Estou em casa, vou dormir e meu dia acabou não sendo tão ruim se isto ficar frequente posso ficar terrivelmente mal acostumado.

Explicação: Virar laje é trabalhar o cimento, água e areia para fazer virar concreto, levantar laje é junto com formas de madeira construir um "chão" feito de concreto acima da casa, ao invés do telhado de forma a possibilitar a cração de uma cobertura aberta ou um segundo andar (Puxadinho).

Hyvää yötä,
Suukotella,
Nähdään huomispäivä.
Trad: Boa noite, beijos, até amanhã.

Cara de 30 disse...

Hmmm... Descobri teu blog hoje, mas também vi que não é o melhor dia para comentários... :)

Acho que vou escrever somente que visitei e gostei do lugar. É só. Outro dia volto e escrevo mais coisas... :)

Jaque Lima disse...

a ser mulher. essa coisa não é papel pra qualquer ser humano. é representado apenas pelos bons. porque aguentar tudo o que a gente aguenta. e ainda tratar o mundo com uma sensibilidade única. é. essa coisa de ser mulher. é assim. a gente pensa. e depois fala. demais. mas vive de uma forma tão intensa. que se torna única. e aí vale a pena. mesmo com a visita da TPM. e a loucura dos hormônios.

Beijo.

o que me vier à real gana disse...

Se não consegues pensar e comunicas tão bem, então como serias se pensasses em pleno!?
Novo post no meu blog, podes comentar?...Vá lá!

canseidexuxu disse...

Meu deus, acabei de escrever sobre a minha apatia para ti no Twitter e leio esse texto! Tbm estou exatamente assim!

O que houve? É a lua?

Beijocas!
Xu

Jhennifer Cavassola disse...

Como o momento garfield??
rsss
Tem dia que fico sem conseguir pensar direito nas coisas também. Parece que fica tudo fora do lugar. E na TPM então... hum!!!!
Mas tudo bem.. falando em alteração hormonal, minha imunidade baixou e eu adoeci, tenho reumatismo, estou malzona. Mas mesmo malzona, magoei uma pessoa que eu amo muito com meu stress de tpm. Falei coisas que não devia, gritei, fiquei fora de controle. Estamos bem, mas palavras lançadas é como se fossem pregos na parede. Já era!!
Linda fica com Deus! Beijos

Cogumela =) disse...

HAUAHUAHAUAH!

Ser mulher não é pra qualquer um não...
(papo de academica louca)
"duvido que esse tal deus seja homem mesmo...como ele criaria a mulher assim tão complexa?
E tem mais...aposto que ele demorou cinco minutos criando o homem e cinco dias criando a mulher"

(que viagem! ^^)

Relaxa, guria (¬¬ falar é fácil) estou na fase "de volta a lagoa azul" isto é, voltando a ser o que eu sempre fui...com alguns melhoramentos é claro mas, aproximando-me da boa e velha cogumela.

"é preciso ter o caos dentro de si para dar a luz a uma estrela..."
(de: não lembro agora)

Beijos, Taynar

Sargento Peixoto - O Monge disse...

Faça como eu, escreva o comentário no bloco de notas, depois copie e cole no Blogspot, se der xabu, basta comentar de novo, é mais prático, inclusive para novos posts quando estiver inspirada e não quiser perder o raciocínio.

Eu na verdade não sei finlandês, mas eu jogo RPG online, conheço alguns finlandeses no World of Warcraft, pedi para eles traduzirem as frases para o finlandês, como 3 disseram a mesma coisa deduzi que não estavam me sacaneando mandando eu escrever asneiras na língua natal deles.

Não converso sem olhar nos olhos, até ao escrever o comentário mantenho a janela de comentários do meu blog abera em paralelo para olhar nos teus, eu já leio seus devaneios, para ouvir é um passo curto e alimentar é a parte fácil.

Ah sim, eu tenho 1,75 e peso 80kg.

Nebenbei,
Guten Morgen!
der Zungenkuss, Bis später!

Trad(Alemão agora): A propósito, Bom dia! beijos e até logo.

Ele disse...

Eu acho que muitas vezes culpamos a razao errada. Não acho que seja o dia, e sim uma mania que temos de pegaros problemas e acontecimentos e jogar no porão que guardamos no cerebro. Atulhamos de coisas e fechamos a porta. Aí.,. um dia a porta não fecha mais. E basta pisar perto pra que a pilha de entulho desabe e aí... aí a gente não sabe mais por onde começar a arrumar a bagunça.

Boa sorte com a sua semana moça.
Bjo

Sargento Peixoto - O Monge disse...

Acredite se quiser, eu estou desde cedo hoje com o blog aberto apertando F5 pra atualizar, aí mudou pra 6 comentários eu vim correndo para ver se era você...

Quanto a mudar, só se muda coisas que estão dando errado, mecher em time que tá ganhando tende a dar merda.

É mais fácil ler e escrever do quê ficar lembrando de tudo para colocar aqui, certo?

Quanto a seus piores devaneios, não se preocupe, os meus piores dias tendem a ficar perdidos no limbo da minha própria mente e acredite, eu tenho tendência a estes dias, aliás tenho fortes tendências a isso, mas se quiser dividir, pega meu e-mail, me manda, eu terei o maior prazer de dividir isto contigo, quem sabe até respondo com os meus.

Meus amigos são os melhores e mais bizarros.

Aguento fácil até se pesasse 70.

Tenha uma boa tarde

Sargento Peixoto - O Monge disse...

É bizarro ficar vai, escreve pra mim fala comigo, diz alguma coisa!! MAs eu faço assim mesmo.

Eu volto as vezes pela praia as vezes pela rua, só pra variar.

Quanto a seus devaneios, deixa eu descobrir por conta própria?

Entra no msn do grupo que eu te passo meu messenger por lá.

E se pular da janela eu te seguro, não precisa se preocupar.

Besos, hasta luego.

iara disse...

taynar,

in love...rs
é ..cariocas são ótimos! rs
mas olha, tpm é uma merda, a minha é fuoda e só o chocolate salva! e tenho dito!
beijão

Sargento Peixoto - O Monge disse...

A melhor parte do RJ é poder passar pela praia todos os dias, ver o Sol nascer indo pro trabalho e se por logo depois dele...

Quanto a me perder, não ligue se eu o fizer.

Não, tenho JetPack.

Beijos.

Sargento Peixoto - O Monge disse...

JetPack - É uma mochila com propulsores a jato que algumas pessoas usam para se exibir voando em shows.

E sinta-se a vontade, sua compania é da mais bem vinda... Aliás faço muita questão dela.

Sargento Peixoto - O Monge disse...

Nos perderemos ou nos acharemos, é tudo uma questão de ponto de vista. Perder ou ganhar. Eu tenho uma opinião, mas por hora vou manter ela guardada para mim, é uma idéia para outro inverno.

Quanto ao almoço, eu esqueci de almoçar, fiquei aqui distraído entre palavras, pensamentos e uma ou outra chamada de: "Porra tú num trabalha não vagabundo?" que me distraí, mas hoje não fiz nada demais, fiz frango grelhado no azeite coberto com molho quatro queijos com arroz integral e batatas soutèe ao azeite com orégano. Aliás, vou comer meu almoço.

Sargento Peixoto - O Monge disse...

Enquanto o rango fica no microondas, dá pra dizer porque isso é pouca coisa, molho quatro queijos eu só jogo parmezão ralado, requeijão *Catupiry que é mais gostoso*, mussarela e provolone numa panela com creme de leite, fica pronto em segundos, frango grelhado, só fritar ele numa frigideira baixa com azeite, arros integral é arroz, só que verde, eu faço com alho pra caramba e pimenta do reino preta pra dar um saborzinho, batata soutèe é só pegar a batata, colocar numa caixa que têm lâminas em vários lugares e fechar, ela faz os cubinhos, você ferve pra ficar meio cozida e frita rápido no azeite com orégano, resumindo, nada deu trabalho.

E o pensamento eu prometo te dar, são não garanto o quando.

Sargento Peixoto - O Monge disse...

Eu não faço parecer fácil, é fácil. Seu pavor de fazer deve atrapalhar um pouco, essa parte de eu bloqueio minha mente e não consigo fazer atrapalha muito, você devia abandonar ela um pouco. Quando estiver em casa você abre o msn e eu vou te ensinando passo a passo, vai ver como é fácil cozinhar quando você acredita que consegue.

Vamos fazer assim, eu vou amanhã te passar uma receita de quiche, é tipo uma massa de empadão com um recheio super simples, sempre que eu tô com preguiça de fazer comida eu faço isso. Dá pra fazer em menos de 20 minutos, prometo que você consegue e nada vai explodir.

Zunnnn disse...

depois dizem que mulher nao fala nada...rsrsrs
pior que é desse jeito..rs
e a culpa ainda é nossa...rrsrs

Sobre suas afirmações..to começando a achar que ta de tpm.. falando muito que nao ta..rs

Mas então.. pq vc ficou com ele?

abraço..rs