quinta-feira, 3 de abril de 2008

Sem luxo, mas se perfumou

Vou ser mais certa. Vou parar de fazer besteira. Vou parar de sair tanto. Vou parar de beber. Vou parar de ir ao encontro de problemas. Vou me concentrar em Coimbra. Vou me esforçar no trabalho. Vou fazer tudo que tem que ser feito. Vou terminar a tal da pesquisa. Vou me alimentar melhor. Vou me cuidar melhor. Vou terminar o tubinho de Redoxon. Vou parar de fazer tudo as três porradas. Vou parar de ser tão impaciente. Vou parar de pensar em coisas que já foram. Vou parar de esperar que alguém me ligue. Vou ligar pra quem eu tenho que ligar. Vou parar de me esconder. Vou parar de ser tão inconseqüente. Vou ficar mais em casa. Vou visitar mais as pessoas que eu não vejo há três bilhões de anos. Vou começar a arrumar as minhas coisas pra mudança. Vou arrumar os meus sapatos. Vou jogar fora o que eu não uso. Vou brigar menos, mas nunca aceitar mais, nunca acenar quando não quiser.
Enfim, se eu dissesse tudo que espero fazer, enxeria umas 10 listas.

Mas hoje acordei querendo fazer tudo que deixei estagnado, tudo que já deveria ter feito, ou começado a fazer.

A gente passa tanto tempo planejando, que pouco chega a fazer. Não quero isso pra mim.

Um comentário:

Seymour disse...

já foi tudo realizado? deixaste de ser inconseqüente? brigar menos?

Coimbra nao.. Porto.. ehehee